DE ALMA E CORAçãO: OBRIGADO!

5.680 entidades.
340 mil Trabalhadores. 800 mil Utentes, dos quais 300 mil são Idosos.
É este o Sector Social Solidário em Portugal. É esta a realidade das IPSS em Portugal:
Cuidar dos outros TODOS os dias;
Sete dias da semana;
24 horas por dia;
Feriados, fins-de-semana, épocas especiais;
Crianças sem retaguarda familiar, jovens em situação de risco, pessoas portadoras de deficiência, pessoas com doença mental, vítimas de violência doméstica, refugiados, doentes sem idade e pessoas idosas…A todos as Instituições cuidam e dão VOZ

OS TRABALHADORES DESTAS INSTITUIÇÕES MERECEM TODA A NOSSA GRATIDÃO
 
O presidente da CNIS
 
LINO MAIA



editorial

ANO NOVO – NOVOS DESAFIOS

(...) Deve relevar-se como um passo muito significativo o compromisso constante do Pacto de Cooperação, no sentido de o Estado e as Instituições deverem repartir de forma equitativa os encargos com as respostas sociais em que existem...

Não há inqueritos válidos.

opinião

JOSÉ A. SILVA PENEDA

A revisão do Pacto para a Solidariedade
Nos últimos dias do ano transato os Presidentes da Associação Nacional dos Municípios Portugueses (AMNP), da Associação Nacional de Freguesias (ANAFRE), da...

opinião

EUGÉNIO FONSECA, PRES. CONF. PORT. DO VOLUNTARIADO

ESTRATÉGIA NACIONAL DE COMBATE À POBREZA: Um nobre desafio a Portugal
Finalmente, foi aprovada uma Estratégia Nacional de Combate à Pobreza (ENCP). Apesar de haver aspetos importantes por conhecer, no que respeita a exequibilidade desta Estratégia, em...